Hoje
Hoje
Máx C
Mín C
Amanhã
Amanhã
Máx C
Mín C
Depois
Depois
Máx C
Mín C

Espaço Interpretativo da Lagoa Pequena

imagem

 

Inaugurado no dia 2 de fevereiro de 2012, Dia Mundial das Zonas Húmidas, e Dia Nacional dos Vigilantes da Natureza, no âmbito de uma parceira entre a Câmara Municipal de Sesimbra e o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas, o Espaço Interpretativo da Lagoa Pequena, na Lagoa de Albufeira é composto por vários percursos e observatórios, que permitem apreciar uma grande variedade de aves que vivem e nidificam neste local.

A Lagoa Pequena é a maior zona húmida da Península de Setúbal e tem um papel importante na circulação de várias aves.

Está classificada como Zona de Proteção Especial (ZPE), ao abrigo da Diretiva Aves 79/409/CEE, o que lhe confere um papel determinante no assegurar de uma rede de zonas húmidas que permita a circulação de indivíduos entre áreas de nidificação, designadamente para a Garça-vermelha Ardea purpúrea, Garçote Ixobrychus minuts, Garça branca Egreta garzetta e Camão Porphyrio porphyrio.

Encontra-se ainda incluída no Sítio Fernão Ferro/Lagoa de Albufeira, que integra a lista nacional de Sítios, estabelecida ao abrigo da Diretiva Habitats (92/43/CEE).

A Lagoa Pequena foi também incluída na lista de zonas húmidas de importância internacional em 1996 no âmbito dos compromissos assumidos pelo Estado Português perante a Convenção de Ramsar (Decreto-Lei nº 101/80, de 9 de Outubro).

A diversidade de espécies de aves, a beleza da paisagem e as condições de acolhimento criadas oferecem as condições ideais para os amantes da observação de aves e da fotografia de natureza.

 

Município de Sesimbra © 2015 | Todos os direitos reservados